Decoração

Decoração
Decoração

Vídeos

Vídeos
Vídeos

Receitas

Receitas
Receitas

Viagem ao centro do guarda roupa

A gente ri da piada velha, mas a verdade é que é um completo e cheio saco olhar pra um guarda-roupa entupido de coisa e constatar que não tem roupa pra sair. É engraçado, mesmo sendo clichê, mas só as vítimas desse sufoco sabem como é a sensação: primeiro você se sente injustiçada pela vida, depois você pensa como seria fácil resolver o problema se fosse rica, depois você se sente uma imbecil por lamentar por uma coisa tão besta. O ponto em que você se sente idiota é o mais deprê, talvez porque seja o mais verdadeiro.

E eu posso falar isso, porque sou uma das pessoas que agem assim. O "Não tenho roupa" é mentira, porque tem roupa o suficiente a li. O "Se eu fosse rica, não teria esse problema" é mentira, porque quanto mais você tivesse, menos satisfeita ficaria. Já o "Como sou besta de perder tempo lamentando sem motivo" é verdade verdadeira, por motivos óbvios.

Então tô meio nessa agora, de tentar olhar praquele monte de coisa do guarda-roupa com mais carinho, inteligência e menos pressa. Não usar só a primeira coisa que cai quando abro a porta e, pelo menos de vez em quando tentar desenterrar alguma coisa antiga pra usar com uma nova.

Sabe quando você toma abuso de comprar, comprar e não ver muito resultado disso? Pois é, se não deu resultado, é porque não é a solução. Vamos às alternativas. Bora olhar com mais carinho pro que já tá ali, à disposição. ;)

17 comentários

  1. Tô tentando arrumar o meu, pra ver se me acho mais facilmente.
    Realmente, ter menos pressa pode ser uma boa solução ;)
    Beijos, fica com Deus!

    ResponderExcluir
  2. Dani, vai ter o amigo secreto anual do Ricotinha?

    Beijos! Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Concordo com tudo.
    E eu sempre caio nessa de comprar e ver q não saiu do lugar!
    Só acho que precisaria mais de uma ajuda de como combinar melhor as peças, e comprar peças básicas, que não são da moda... e é nessa hora que eu recorro aos blogs e sites hehe. Ajuda bastante!
    Ser rica eu nem penso, mas que um dinheirinho a mais ajudaria muito, isso sim! hehe
    Gostei do post, e já que está desenterrando peças, vc poderia postar uns looks, que tal?
    Bjs

    me visita, e se gostar segue lá: http://meacalmomedesespero.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Como me descreveu tão bem?
    hahahaha
    Beijos Lulli
    www.aheuqueroo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Também sou desse time: não tenho nada para vestir! Será?
    Quando compramos não paramos para pensar no que temos em casa e acabamos por comprar roupas que não combinam com bolsas, sapatos que não teremos onde usar, bolsas que não cabem nas nossas combinações... e por aí vai!
    Agora eu TENTO comprar pensando no que tenho, no que posso agregar, de que maneiras posso usar, e não somente pela beleza da vitrine.
    .
    Você como sempre arrasando nas postagens! Parabéns! :)
    .
    porlolita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. É mesmo complicado essa história de escolher roupa para sair, parece que sempre só enxergamos as mesmas, e de fato são as que a gente mais usa que mais salta aos nossos olhos ao abrir o guarda-roupa.
    Uma dica boa, que pelo menos da certo pra mim, é a cada dois fim de semana, separar uma manhã para organizar as roupas, tirar tudo e dobrar, pode usar um sábado para as roupas que estão no cabide, no outro find as roupas que estão dobradas. Enfim, descobrimos coisas que nem tínhamos idéia que estava ali.
    =)

    ResponderExcluir
  7. Manuella Torres28/11/11 16:40

    as vezes quando leio teus posts sinto como se eu mesma os tivesse escrito. engraçado, né? parece que somos parecidas.

    ResponderExcluir
  8. Pensei exatamente a msm coisa hj.. Gostei bastante do texto.. Me fez refletir e pensar q não sou só eu a doida!! =D

    ResponderExcluir
  9. Oi, Dani! Tudo bom? Nós da Honey Pie te enviamos alguns e-mails, mas não tivemos retorno. Gostaríamos de te enviar um material, como fazemos? Entra em contato com a gente, por favor? honeypiecomunicacao@hotmail.com. Valeu :)

    ResponderExcluir
  10. Sou dessas também, mas prometo à mim mesma que agora nas férias, irei olhar sem pressa o interior do guarda roupa e por fim poder dizer " essas peças até que me parecem novas agora"
    ótimo post, beeeeeeeijos!

    ResponderExcluir
  11. Poxa,dia desses arrumando meu armário pensei exatamente nisso!Tenho armário e gavetas abarrotados e mesmo assim fico achando que não é o suficiente!Por isso entrei numa meta de revezar as coisas e usar tudo,do mais velhinho ao recém comprado!E que tenhamos sucesso!

    ResponderExcluir
  12. Evitar a bagunça super ajuda... Quando arruma o quarto sempre saio mais bonita.. Mas quando fica uma zona do cão, aí filha, saio quase de pijama.

    ResponderExcluir
  13. Maria Clara28/11/11 20:55

    Há quase 1 mês meus pais vieram me visitar e mamy me deu o ultimato de organizar o armário! oh, foi difícil me desfazer de algumas coisas, mas fechei os olhos e lancei no cesto das doações (assim, algumas foram para o cesto do lixão mesmo...rs).

    Agora está tudo bonitinho!! Venho tentando arduamente manter as coisas em seus lugares... só falta desfazer a mala do último fim de semana... kkkkk

    bjinhus e boa sorte na empreitada, Dani

    ResponderExcluir
  14. Post inteligente! Estou totalmente de acordo. Até quando vamos comprar roupas novas, temos que pensar quais temos, para possivelmente combiná-las. E falar em combinar, as diferentes combinações é que fazem nosso guardarroupa sempre versátil. É só não ter medo de ousar e assumir um estilo próprio.

    ResponderExcluir
  15. Eu também sofro desse mal.... mas arrumo o guarda roupa contantemente e procuro sempre enviar as peças que não uso tanto para a doação, parece que isso renova!!!

    ResponderExcluir
  16. Eu to com esse problema já faz um bom tempinho, o que falta agora e tirar um dia para arrumar tudo :(

    ResponderExcluir
  17. www . umanosemzara . com . br

    vai gostar desse site..um ano sem comprar roupa!

    ResponderExcluir