Decoração

Decoração
Decoração

Vídeos

Vídeos
Vídeos

Receitas

Receitas
Receitas

{seriadinho} Twin Peaks

Não sei se vocês repararam, mas o blog ficou parado no fim de semana passada e no início dessa. Tudo porque, na madrugada do sábado pro domingo, resolvi ver uma coisa que tava no computador já há uns meses e quero assistir já há uns anos: Twin Peaks.


Twin Peaks é uma série  de 30 capítulos divididos em duas temporadas criada por David Lynch e Mark Frost. A dita cuja foi ao ar entre 1990 e 1991 e, basicamente, determinou como iam ser as séries de TV do nosso tempo. Nos anos 80, todo mundo que era bom tava no cinema - diretores, roteiristas, atores - e a TV ia se arrastando com produções clichezonas que se arrastavam por anos sem inovações de linguagem ou formato.

Quando Twin Peaks estreou, com um piloto de quase duas horas, uma história bem densa, um diretor de cinema cult envolvido e uma produção elaboradíssima, tudo mudou. A série conta a história de uma cidade pequena e pacata que, um dia vê o corpo da mocinha mais popular do lugar enrolado em plástico e boiando no rio. O nome dela é Laura Palmer e "quem matou Laura Palmer?" é a pergunta que motiva a vinda do Agente Especial do FBI Dale Cooper a Twin Peaks. Daí em diante, a cada momento surgem novas evidências, novas nuances da história e segredos de cada personagem e da própria cidade. Muito cedo, a gente já vê que Twin Peaks não é o paraíso que parecia.






Essas histórias de mistério apenas me escravizam, ainda mais uma tão sensacional. Por isso, entre domingo e segunda, já tinha visto 21 episódios e já sabia quem tinha assassinado Laura Palmer. E, como sempre me envolvo demais com a ficção, já tava totalmente apaixonada pelo Agent Cooper e, na verdade, ainda tô um pouquinho. A primeira temporada, com 8 episódios, é absurda, genial. Na segunda, a gente vê já nos créditos que o envolvimento dos criadores diminuiu um bocado. Segundo David Lynch, o objetivo inicial era jamais revelar o assassino de Laura Palmer, mas a condução e as interferências da emissora levaram o público a esperar - e cobrar - por isso. Por motivos de audiência, o assassino foi revelado na metade da segunda temporada e, assim, ainda sobram mais de 10 episódios com outros conflitos, muitos meio perdidos mas ainda instigantes.

O lance é que muitas pessoas que vêem essa série ficam obcecadas por ela e eu faço parte desse grupo. Li tudo que achei sobre na internet, vi um monte de entrevistas, vídeos aleatórios e até perdi duas horas e meia da minha vida assistindo ao filme que foi lançado depois, contando a última semana de vida de Laura Palmer. Ele é realmente ruim mas foi importante ver pra fechar esse ciclo.

"It's a damn fine cup of coffee"


Não vou comentar sobre o final da série porque não quero dar nenhum mísero spoiler. Agora vou ali tentar me convencer de que Dale Cooper é só um personagem e viver um triângulo amoroso com ele e meu namorado não é uma opção, digamos, viável. :)

16 comentários

  1. "Agora vou ali tentar me convencer de que Dale Cooper é só um personagem " uahiauhauihaiuhauihaiuah

    Que máximo uma série tão antiga que ainda apaixona! Não tinha ouvido falar nessa

    ResponderExcluir
  2. tbm sou viciada em serie e quando começo a ver nao paro mais! vou baixar essa! é bem do estilo misterioso que gosto!

    ResponderExcluir
  3. Onde vc assintiu? Pelo netflix? tenho muita vontade de assistir esse seriado tbm

    bjosss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu tinha os episódios, mas tem no Netflix também. ;)

      Excluir
  4. Obaaaaa :D Amei a dica!
    bém!

    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Onde vc achou o filme? Faz tempo que quero assistir, mas nunca achei pra baixar...Acompanhei o boom dos blogs há uns 5 anos. Lia um monte naquela época. O seu é um dos poucos que ainda acompanho, um dos poucos em que dica é dica de verdade. Parabéns.

    ResponderExcluir
  6. eu nunca nem ouvi falar! vou procurar no netflix!!
    desses seriadinhos menos hype, recomendo o "lost room", acho que em português traduziram para "quarto oculto" são apenas 3 episódios (tem no netflix) e uma história muuuuuuuito intrigante e envolvente, assista vc vai AMAR!

    beijão!

    ResponderExcluir
  7. Agora só falta vc ler o diário de Loura Palmer. Li no auge da minha pré-adolescência, confesso que na época me deixou um pouco perturbada e causou um certo estranhamento na minha mãe rsrs
    Mas vale a pena pra fechar o ciclo!

    ResponderExcluir