Decoração

Decoração
Decoração

Vídeos

Vídeos
Vídeos

Receitas

Receitas
Receitas

{guia recife} Ramon Bar

O Ramon (Olavo Bilac, 20, Boa Viagem) é meu bar favorito hoje em dia. Ele combina três coisas incríveis: é sem frescura, ao mesmo tempo, é todo bonitinho, e, por fim, tem clone de drinqueeeees. 

De terça a sexta, um ou dois drinques do cardápio tem clone, e isso foi um dos motivos pra eu querer mini-comemorar meu aniversário lá. A principal das razões, na verdade, é que a vibe do Ramón (em homenagem ao Don Ramon, que a gente conhece como Seu Madruga ) é muito boa. Lembra os bares mais legais que conheci em Buenos Aires. Não à toa, aliás. O Ramón é mantido por dois argentinos e um chileno e a proposta é se parecer com os bares portenhos mesmo. Tem mil sabores de pizza - servidos em fatias finas pra você petiscar - e muitas opções de drinques, que é uma coisa que faz falta nos bares do Recife.

Conheci o bar há uns dois meses numa saída com as amigas  e foi mágico porque era um dia no meio da semana, sem muito movimento, e tinha clone de Sex On The Beach - que, por sinal, era delícia - até as 11. Aí a gente ficou conversando da vida, ouvindo a música ótima que toca lá (rock clássico, reggae, covers latinos...) e comendo. Afe, não tem coisa melhor.






Dessa vez, não foi diferente. Exceto pelo fato de que não eram só mulheres. O clone era de Caipimorango, então foi o que bebi a noite toda. Pedi uma pizza que, se não me engano, se chamava Dalí e tinha queijo, tomate e alho frito. Lá pro meio da noite, a gente pediu empanadas e, depois, pedi um brochette vegetariano, que é um espetinho enorme com verduras, legumes e queijo coalho grelhados acompanhado de shoyu com chimichurri. Tem outros sabores também, mas escolhi esse por motivos óbvios. Eu adoro esse brochette, porque é uma opção bem leve, o que nem sempre é fácil de encontrar nos bares. Infelizmente, não tirei a foto enquanto tava bonitinho, só lembrei quando já tinha destruído o espetinho todo.









Os preços do Ramon também são bons. As pizzas tão na faixa dos vinte e poucos, os brochettes, entre R$7 e R$10 e os drinques, de R$10 a R$15 (o Sex On The Beach é R$12). Não me lembro do preço das empanadas nem da cerveja, mas pode ir tranquila que o bar não vai causar um rombo no seu orçamento. Em média, dá uns R$30 por pessoa. Pra quem não sabe onde fica, é bem pertinho do Ponteio, onde era O Laçador. Não tem erro. :)

Afe. Já quero ir lá de novo, só de rever as fotos.

6 comentários

  1. Querendo um desses pela zona norte, porque BV é tão longe. :(
    Se tiver alguma dica posta, pfv! :D

    ResponderExcluir